Imagem via Asobo Studio

Em A Plague Tale: Innocence de 2019, os jogadores foram apresentados a Amicia de Rune e seu irmão, Hugo. Como Amicia e Hugo lutam para escapar da inquisição, eles também devem se defender de um persistente doença. Na sequência, A Plague Tale: Requiem, a jornada dos irmãos continua enquanto eles buscam uma cura para a doença de Hugo. Mas, complicações imprevistas abrem caminho para mais inconvenientes para Amicia e Hugo. Para alguns jogadores, pode fazer sentido nos deixar jogar como Hugo além de Amicia. Continue lendo para descobrir se você pode jogar como Hugo em A Plague Tale: Requiemou se é— até certo ponto — uma viagem solo para Amicia.

Hugo é jogável em A Plague Tale: Requiem?

Não parece assim. Em A Plague Tale: Requiem, como em Innocence, o único personagem jogável é Amicia. Até certo ponto, isso faz mais sentido, dada a capacidade de Hugo de controlar ratos da peste. Se você perguntar a este escritor, ter essa habilidade para o jogo inteiro pode fazer algum obstáculos mais fáceis do que o pretendido. Isso é especialmente verdadeiro se Requiem for predominantemente uma aventura furtiva.

Dito isso, há nada impedindo os desenvolvedores Asobo Studio de lançar uma futura história de DLC com Hugo como o personagem principal jogável. Poderia assemelhar-se – em algum maneiras, de qualquer maneira – o breve segmento de The Last of Us (parte I) onde você controla Ellie enquanto Joel está fora de serviço. Mas, até que essa possibilidade seja realizada, os jogadores estão limitados a jogar como Amicia em A Plague Tale: Requiem.

Para saber mais sobre A Plague Tale: Requiem, incluindo How to Kill Armored Enemies, fique com o Gamer Journalist!